back index CÂMARA MUNICIPAL
CURITIBA

Curitiba, 22 de novembro de 2017
 
Sim Não
controle de spam, digite o código no campo acima
Email Versão para impressão

Data: 25/07/2012 - 16:20:15

Curitiba virava capital da província há 158 anos

  • Largo Lobo de Moura, atual praça Santos Andrade, no século XIX. (Foto - Coleção Família Groff)
  • Foto atual da praça Santos Andrade, localizada no Centro da cidade. (Foto – Anderson Tozato)
A sanção da lei n° 1, que fixou Curitiba como capital da província do Paraná, completa 158 anos nesta quinta-feira (26). A norma foi o primeiro ato administrativo do deputado baiano, ex-conselheiro de estado e ex-ministro da Marinha Zacarias de Góes e Vasconcelos, que no ano anterior havia assumido a presidência da província do Paraná.

Em 17 de agosto de 1854, a Câmara Municipal reuniu-se em sessão extraordinária para tratar da lei, após seu envio, à Casa, pelo presidente da província. A norma foi lida pelos vereadores e se deliberou, a pedido da Assembleia Provincial, sobre o envio do código de posturas da cidade.

Atribui-se a decisão, contrária ao padrão de capitais litorâneas, ao fortalecimento econômico dos fazendeiros e comerciantes de mulas, presentes na região. Desde 1812, Curitiba sediava a comarca, na época ligada à província de São Paulo. Junto a Paranaguá, era sua principal vila.

Província do Paraná
A província do Paraná foi criada por meio da lei nº 704, de 23 de agosto de 1853, e instalada em 19 de dezembro do mesmo ano. O território resultou da elevação da comarca de Curitiba, até então subordinada à província de São  Paulo, responsável pela aprovação da norma. A notícia chegou à Câmara Municipal em 1° de setembro. Na ocasião, o presidente do Legislativo, vereador Francisco de Paula Guimarães, convocou todos os cidadãos a iluminarem suas casas por três dias e comparecerem à Matriz para assistirem a um “solemne The-Deum de acção de graças”.

A Câmara Municipal de Curitiba, que havia sido criada em 1693, foi notificada pelo Ministério do Império que o conselheiro Zacarias de Góes e Vasconcelos havia sido nomeado, por meio de carta imperial, o primeiro presidente da província do Paraná. Junto ao aviso, foi determinado que a Casa desse posse e deferisse juramento a ele.

A solenidade foi realizada no dia 19 de dezembro, quando o conselheiro foi recebido com todas as formalidades e o presidente da Câmara deferiu-lhe o juramento dos Santos Evangelhos, depois de ser lida a carta imperial referente à nomeação. Foi celebrada naquele dia também uma missa em ação de graças na Igreja Matriz (atual Catedral).

Por João Cândido Martins


 
Reprodução do texto autorizada mediante citação da Câmara Municipal de Curitiba.


Arquivos para download:
  • Fotos:
  • Anexos:
Voltar
 

Este legislativo municipal oferece através de seu site uma visão geral dos trabalhos realizados em prol da cidade de Curitiba. Acompanhe nesta ferramenta o trabalho dos vereadores, a execução do orçamento, e tenha acesso a diversas informações institucionais e de funcionamento. Nosso objetivo maior é o de dar transparência aos trabalhos aqui realizados. Lembramos que este site está em constante atualização e melhoria. Sua visita frequente é muito importante.

© 1997 - 2017 - Câmara Municipal de Curitiba - todos os direitos reservados

Câmara Municipal de Curitiba - Rua Barão do Rio Branco, 720 - Curitiba - Paraná - Brasil - CEP: 80010-902
Fone: (41) 3350-4500 - Fax: (41) 3350-4737 - Email geral:
camara@cmc.pr.gov.br

Esse site pode ser melhor visualizado nos seguintes navegadores: Firefox 29, IE 11, Chrome 35 ou versões superiores.