back index CÂMARA MUNICIPAL
CURITIBA

Curitiba, 28 de julho de 2017
 
Sim Não
controle de spam, digite o código no campo acima
Email Versão para impressão

Data: 03/05/2017 - 14:14:31

Debate sobre "Corujão da Saúde"
gera pedido por mutirões

  • “O objetivo é reduzir a fila de pacientes”, explicou Oscalino do Povo, que sugeriu a realização do Corujão da Saúde em Curitiba. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Tico Kuzma: “Ele [Greca] disse que ia iniciar os mutirões, entretanto ainda não temos o resultado, que o Executivo poderia mandar para a Câmara”. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • “Se [a rede de atendimento] já não comporta, imagina fechando as UPAs”, questionou Noemia Rocha. (Foto: Chico Camargo/CMC)
Os vereadores aprovaram, nesta quarta-feira (3), requerimento de Oscalino do Povo (PTN) para que a prefeitura reproduza em Curitiba o programa “Corujão da Saúde”. Implantada na cidade de São Paulo, pelo prefeito João Dória, a iniciativa zerou a demanda por 50 tipos de exames em menos de três meses de gestão, resultando numa queda de 67% no total da fila. A votação foi simbólica (201.00207.2017).

“Lá o resultado foi positivo”, comentou Oscalino do Povo, “e beneficia a todos, pois os hospitais ocupam horários ociosos, o SUS adianta exames e a população é melhor atendida”. A sugestão fala em estabelecer parcerias com a rede privada para atendimento especial, com realização de exames ambulatoriais das 20h às 24h. “O objetivo é reduzir a fila de pacientes”, completou. O pedido gerou questionamentos sobre mutirões já realizados em Curitiba.

O vereador Tico Kuzma (Pros) lembrou que, no dia 6 de março, numa “visita surpresa” ao Legislativo, o prefeito Rafael Greca falou de vários temas, inclusive da realização de mutirões na Saúde (leia mais). “Ele [Greca] disse que ia iniciar os mutirões, entretanto ainda não temos o resultado, que o Executivo poderia mandar para a Câmara”, pontuou. A opinião recebeu o apoio do Professor Silberto (PMDB) e de Osias Moraes (PRB).

Fechamento de UPA
A vereadora Noemia Rocha (PMDB), dentro do debate sobre a realização de mutirões, pediu que a Comissão de Saúde avalie se a possibilidade de fechamento de UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) em Curitiba não afetará a realização dos exames. “Se [a rede de atendimento] já não comporta, imagina fechando as UPAs”, disse a parlamentar, referindo-se à fila por exames – dimensionada antes, por Osias Moraes, em 90 mil procedimentos.

No meio do comentário, Noemia Rocha falou do fechamento da UPA da Matriz, noticiado pela imprensa. A situação gerou uma nota de esclarecimento da Prefeitura de Curitiba na semana passada, em que o Executivo explica os motivos de o Hospital das Clínicas da UFPR reassumir a unidade, sob o argumento de que a maioria dos atendimentos era relacionado ao próprio HC, que agora passa a utilizar o espaço como Pronto Atendimento. A explicação da prefeitura também foi publicada pela mídia local (leia aqui).


Texto:   José Lazaro Jr.
Revisão:   Michelle Stival da Rocha
 
Reprodução do texto autorizada mediante citação da Câmara Municipal de Curitiba.


Arquivos para download:
  • Fotos:
Voltar
 

Este legislativo municipal oferece através de seu site uma visão geral dos trabalhos realizados em prol da cidade de Curitiba. Acompanhe nesta ferramenta o trabalho dos vereadores, a execução do orçamento, e tenha acesso a diversas informações institucionais e de funcionamento. Nosso objetivo maior é o de dar transparência aos trabalhos aqui realizados. Lembramos que este site está em constante atualização e melhoria. Sua visita frequente é muito importante.

© 1997 - 2017 - Câmara Municipal de Curitiba - todos os direitos reservados

Câmara Municipal de Curitiba - Rua Barão do Rio Branco, 720 - Curitiba - Paraná - Brasil - CEP: 80010-902
Fone: (41) 3350-4500 - Fax: (41) 3350-4737 - Email geral:
camara@cmc.pr.gov.br

Esse site pode ser melhor visualizado nos seguintes navegadores: Firefox 29, IE 11, Chrome 35 ou versões superiores.