back index CÂMARA MUNICIPAL
CURITIBA

Curitiba, 18 de outubro de 2017
 
Sim Não
controle de spam, digite o código no campo acima
Email Versão para impressão

Data: 09/05/2017 - 14:01:56

Nota da sessão plenária
de 9 de maio – 1ª edição

  • Em resposta a críticas de reportagem, Tico Kuzma defendeu que projeto de sua autoria possui caráter educativo. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Dr. Wolmir Aguiar, que também teve projeto criticado na reportagem, citou casos de jovens com câncer e de queimaduras. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Serginho do Posto: “Não foi uma crise que se instalou agora [em Curitiba]. Já havia sinais da crise há aproximadamente dois anos”. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Toninho da Farmácia disse que a estação de sustentabilidade da Vila Verde não será transferida. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Bruno Pessuti destacou a posse de seu irmão, o advogado Moisés Pessuti, na presidência do Instituto Paranaense de Direito Eleitoral. (Foto: Chico Camargo/CMC)
Fundação Cultural
“Como fica a Fundação Cultural de Curitiba com esta redução tão drástica do orçamento, que já é pouco?”, disse o vereador Goura (PDT) sobre o decreto 865/2016, publicado no Diário Oficial do Município de 28 de abril. O crédito adicional suplementar anula R$ 12 milhões da FCC e destina o montante à Secretaria Municipal de Finanças, para o pagamento de serviços de terceiros. O parlamentar diz receber com “preocupação” os “ataques à vida cultural da cidade”.

Respostas a reportagem I
Tico Kuzma (Pros) e Dr. Wolmir Aguiar (PSC) responderam reportagem publicada hoje (9) pelo jornal Tribuna do Paraná, que classifica cinco projetos de lei em tramitação como “curiosos”. Kuzma defendeu que sua proposição (005.00062.2017), mais do que aplicar uma multa, no valor de R$ 100, possui caráter “educativo, pedagógico”. “O projeto visa diminuir o consumo de drogas em nossa cidade, fazer o contraponto.” (Foto 1)

Respostas a reportagem II

De acordo com Kuzma, caso a proposta se torne lei, o uso de drogas em logradouros públicos e nas imediações das instituições de ensino e nos locais de concentração de crianças, adolescentes, gestantes e idosos seria proibido mesmo que o Supremo Tribunal Federal (STF) aprove a descriminalização do consumo. (Foto 2)

Respostas a reportagem III
Dr. Wolmir Aguiar destacou que a imprensa é livre, mas ponderou que a jornalista deveria “assistir a vídeos” sobre casos de jovens com câncer e de queimaduras causadas pelo uso do narguilé – a proposta de sua iniciativa citada na matéria quer proibir seu uso em locais públicos (005.00142.2017). Os projetos foram acatados na reunião da Comissão de Legislação, Justiça e Redação da semana passada (leia mais) e agora seguem o trâmite nos demais colegiados da Casa.

Crise no Município
O presidente da Casa, Serginho do Posto (PSDB), disse que é “importante uma reflexão” sobre as finanças da cidade. “Não foi uma crise que se instalou agora [em Curitiba]. Já havia sinais da crise há aproximadamente dois anos”, declarou. O vereador apontou como indícios a aprovação do reajuste do IPTU e do ITBI, em dezembro de 2014, para “dar fôlego às receitas do Município desses impostos” e a devolução do Fundo Especial da Câmara (FEC), em 2016, dentre outras medidas. (Foto 3)

Estação de Sustentabilidade
Toninho da Farmácia (PDT) disse ter sido informado que a Estação de Sustentabilidade da Vila Verde, implantada por meio de emenda parlamentar de sua iniciativa, na legislatura passada, não será transferida. “Esse foi o primeiro equipamento instalado na cidade. Permitiu uma diminuição de 80% do lixo nas ruas”, afirmou, na sessão de ontem (8). Ele agradeceu o prefeito e os secretários municipais. (Foto 4)

Direito eleitoral
Bruno Pessuti (PSD) registrou a posse de seu irmão, o advogado Orlando Moisés Fischer Pessuti, ontem (8), na presidência do Instituto Paranaense de Direito Eleitoral (Iprade). A solenidade foi realizada na sede do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR). O Iprade, disse o vereador, é considerado um dos principais institutos brasileiros de direito eleitoral. (Foto 5)

Alvará simplificado
Helio Wirbiski (PPS) propôs substitutivo (031.00022.2017) ao projeto de lei (005.00029.2017) de sua iniciativa que pretende facilitar em Curitiba a emissão de alvará, proposta que encerrou o trâmite nas comissões permanentes e está apta para a votação em plenário. Dentre outras medidas, a matéria altera o nome da iniciativa de "alvará provisório" para "alvará fácil".

Pedido de informações I
Em pedido de informações oficiais à Prefeitura de Curitiba, Cacá Pereira (PSDC) questiona quando serão nomeados os servidores para a abertura do Centro Municipal de Educação Jornalista Mussa José de Assis, localizado no bairro Ganchinho (062.00254.2017). O vereador pondera que o equipamento público foi entregue no ano passado.

Pedido de informações II
Em outro pedido de informações ao Executivo (062.00256.2017), Pereira indaga se o terreno localizado entre as ruas Zacarias Gomes de Souza, Nicodemus Zeglin, Capitão Leônidas Marques e Augusto David de Moraes, no bairro Uberaba, é de domínio público (062.00256.2017). Caso seja, o vereador quer saber se existem projetos para a área.

Queda de ponte

"Há conhecimento sobre a queda da ponte que liga os bairros Vila Esperança, em Curitiba, e Campo Alto, em Colombo?", diz pedido de informações de Cristiano Santos (PV) à prefeitura (062.00259.2017). O vereador quer saber se já há estudos para a execução da obra e se esta poderá ser realizada em parceria com o município vizinho.


Texto:   Fernanda Foggiato
Revisão:   José Lazaro Jr.
 
Reprodução do texto autorizada mediante citação da Câmara Municipal de Curitiba.


Arquivos para download:
Voltar
 

Este legislativo municipal oferece através de seu site uma visão geral dos trabalhos realizados em prol da cidade de Curitiba. Acompanhe nesta ferramenta o trabalho dos vereadores, a execução do orçamento, e tenha acesso a diversas informações institucionais e de funcionamento. Nosso objetivo maior é o de dar transparência aos trabalhos aqui realizados. Lembramos que este site está em constante atualização e melhoria. Sua visita frequente é muito importante.

© 1997 - 2017 - Câmara Municipal de Curitiba - todos os direitos reservados

Câmara Municipal de Curitiba - Rua Barão do Rio Branco, 720 - Curitiba - Paraná - Brasil - CEP: 80010-902
Fone: (41) 3350-4500 - Fax: (41) 3350-4737 - Email geral:
camara@cmc.pr.gov.br

Esse site pode ser melhor visualizado nos seguintes navegadores: Firefox 29, IE 11, Chrome 35 ou versões superiores.